Presidente do Palmeiras vê favorecimento do VAR ao Flamengo: 'Não atua nos jogos deles'

Rubro-negro segue na liderança do Brasileiro

Por O Dia

Maurício Galiotte (à esquerda)
Maurício Galiotte (à esquerda) -
Rio - O presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, reclamou bastante da arbitragem após o empate da sua equipe contra o Internacional. O dirigente sugeriu que acredita que o Flamengo, líder do Brasileiro, e rival direto do Verdão na luta pelo título, esteja sendo favorecido na competição.
"Até vou citar o lance aqui, porque é uma situação desconfortável demais para o futebol. O Felipe Melo toma cartão em absolutamente todas as jogadas. Ontem, o Gabriel pisou (em lance com Daniel Alves, no empate do Fla por 0 a 0 com o São Paulo) e o VAR não foi pedido", disse Galiotte.
Na partida contra o Internacional, o Palmeiras teve um gol anulado pelo VAR no fim do duelo. Uma vitória, colocaria o Verdão colado no Flamengo, com apenas um ponto a menos.
"Em muitos lances, o VAR não tem atuado em jogos do Flamengo, isso é fato. Ontem foi um exemplo. Tem o jogo do Internacional também, no Maracanã. A gente vem a público pedir uma arbitragem que apite igual para todos", completou o presidente.

Comentários