Dirigente aposta que será normal jogadores da Europa virem para o Flamengo: 'Magia começa a se espalhar'

Rubro-Negro contratou diversos jogadores vindos do Velho Continente nesta temporada

Por O Dia

Filipe Luís
Filipe Luís -
Rio - Apresentando o melhor futebol do Brasil, e com chances de terminar a temporada com três títulos, o Flamengo vem colhendo os frutos após anos de reestruturação. O modelo de gestão do clube, que tem conquistado resultados em campo sob o comando de Jorge Jesus, vem fazendo com que o time seja cada vez mais atrativo para jogadores da Europa. Bruno Spindel, diretor de futebol rubro-negro, aposta que as contratações de jogadores vindos do Velho Continente será algo cada vez mais comum.

"Conforme eles (europeus) forem performando aqui, tendo sucesso esportivo, ser bom para a carreira deles. Essa porta vai ser normal. Hoje não é normal. É normal sair da América do Sul para a Europa, Ásia", disse Bruno ao blog do Rodrigo Mattos, no UOL.

Quando questionado sobre o segredo para atrair jogadores da Europa, Spindel falou sobre a "magia" rubro-negra.

"O Flamengo tem a quinta maior média de público do mundo se não me engano. O ambiente que se encontra, essa mágica, acho que o atleta não vai encontrar em nenhum outro lugar do mundo. Isso começa a se espalhar. Essa magia começa a se espalhar. Esportivamente, o Flamengo está conseguindo jogar um futebol diria dos mais altos padrões do mundo", completou o diretor.
Bruno Spindel, diretor de futebol do Flamengo - Foto: Alexandre Vidal/Flamengo
Vale lembrar que nesta temporada, o Rubro-Negro trouxe os laterais Filipe Luís e Rafinha, o meia Gérson e o zagueiro Pablo Marí , todos vindos da Europa. Ainda tem o atacante Gabigol, que pertence à Inter de Milão, e se juntou ao time após o término do período de empréstimo ao Santos.

A prova de que o clube atingiu um novo patamar no quesito contratações, é que grandes nomes do futebol mundial como Cavani e Ibrahimovic, chegaram a ser especulados na Gávea nas últimas semanas.
Além de se reforçar em campo, o Flamengo ainda "importou" Jorge Jesus, que deixou Portugal para assumir o comando do Flamengo, se destacando como um dos principais técnicos do Brasil.
"A gente foi muito feliz na escolha do Jorge Jesus. Se ele não tem 100% das características que a gente espera para um treinador do Flamengo, tem 99,9% das caraterísticas. É insatisfeito, inquieto, quer vencer tudo sempre. O estilo de jogo que está encantando é a filosofia e ideia que atende a filosofia que o Flamengo espera. Foi uma escolha muito feliz", emendando na sequência:
"Ele acorda, come, dorme futebol. O que move ele é conseguir o próximo título. Ele enxergou que o Flamengo dava essas condições. E ele entende a grandeza do Flamengo e do futebol. Ficamos felizes porque ele é fundamental por tudo que está acontecendo no clube", acrescentou.
Na ponta do Brasileirão e na final da Libertadores, o Flamengo volta a campo nesta quinta-feira, às 20h, para enfrentar o Goiás, no Serra Dourada.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Filipe Luís Alexandre Vidal / Flamengo
Bruno Spindel, diretor de futebol do Flamengo Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

Comentários