Morre aos 89 anos Índio, décimo maior artilheiro da história do Flamengo

Causa da morte do ex-jogador ainda é desconhecida

Por O Dia

Índio durante homenagem do Flamengo, em 2015
Índio durante homenagem do Flamengo, em 2015 -
Rio - Morreu na manhã deste domingo, aos 89 anos, o ex-jogador Aluísio Francisco da Luz, o Índio. Ele era o décimo maior artilheiro da história do Flamengo, com 140 gols.
Nos últimos anos, Índio, que é paraibano de Cabedelo, foi homenageado pelo Flamengo cinco vezes em eventos. A causa da morte do ex-jogador ainda é desconhecida pela família.
Índio vestiu a camisa do Flamengo entre 1951 e 1957 e conquistou diversos títulos, com destaque para o tricampeonato carioca em 1953, 1954 e 1955. Ele também vestiu as camisas de Bangu, Corinthians, Espanyol e América.

Comentários