Após saída do Azeite Royal, Flamengo pode ficar sem outro patrocinador

Rubro-Negro conversa com o banco BS2, atual patrocinador master do clube e que visa quebrar o vínculo antes do prazo pré-estabelecido

Por O Dia

Rafinha, Gabigol e Filipe Luís posam como as novas camisas
Rafinha, Gabigol e Filipe Luís posam como as novas camisas -
Rio - Em meio à pandemia do novo coronavírus, o Flamengo pode ficar sem outro patrocínio. Depois do Azeite Royal rescindir com o clube por conta da pandemia do novo coronavírus, o banco BS2 sinaliza que a parceria pode ser desfeita em breve. A informação é do jornalista Gilmar Ferreira, do "Jornal Extra".
Segundo o portal, o atual patrocinador master do Flamengo, o BS2 deve quebrar o contrato, cujo prazo é até dezembro deste ano e prevê mais duas parcelas de R$ 5 milhões a serem depositadas este ano.
Além dos impactos financeiros causadas pela pandemia, outro fator que pesou essa decisão foi pelo fato do Flamengo ter vindo a público e confirmado que negocia com a Amazon para o espaço master.

Comentários