Ex-jogador do Flamengo relata como é enfrentar o Rubro-Negro: 'Não tinha como respirar'

Lateral comparou o Flamengo com um dos maiores lutadores da história do UFC: "A derrota é certa"

Por Lucas Oliveira e Venê Casagrande

Boavista
Boavista -
Rio - Campeão brasileiro pelo Flamengo em 2009, Everton Silva reencontrou o Rubro-Negro na derrota por 2 a 0. Em áudio vazado, o lateral-direito do Boavista rasgou elogios ao atual elenco comandado por Jorge Jesus e comparou o atual campeão brasileiro e da Libertadores com Jon Jones, um dos maiores lutadores da história do UFC.

"Tá maluco, não tinha como respirar. Que time é esse? É o mesmo que lutar contra Jon Jones e achar que vai ganhar. Derrota é certa. Os caras falam uns bagulhos tipo "pula uma casa". Sei nem que p... é essa, entendi nada."
Em entrevista exclusiva ao Dia, o lateral detalhou como é enfrentar o Flamengo e afirmou que o Rubro-Negro tem condições de se manter no topo por muito tempo.
"Então, o Flamengo é um time que começa a construir a jogada pelo goleiro. Um time fantástico, que não se afoba nem quando está sendo pressionado. Um estilo de jogo que se os adversários não estudarem, será imbatível por muito tempo esse time".
O lateral também afirmou que o Flamengo não tem falha ou ponto fraco, mas acredita que o Brasil possui técnicos que estudam o futebol moderno e torce para que eles encontrem brechas para superar o Rubro-Negro.
"Não existe time imbatível, mas o Flamengo ainda não tem falha. Não tem como você explorar um ponto fraco. Acredito que um técnico como Vanderlei Luxemburgo, Renato Gaúcho e Roger Machado são técnicos que estudam o futebol moderno e torço para que eles achem essa fórmula ou essa falha para não ficar igual ao Bayern de Munique no Campeonato Alemão", concluiu.

Comentários