Wellington
WellingtonLUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.
Por O Dia
Rio - Um dos reforços para a temporada de 2021, o volante Wellington estreou contra o Flamengo e foi titular na partida contra o Bangu. Nos dois jogos, o Fluminense conseguiu vitórias, mas não convenceu os torcedores. Em sua primeira coletiva como jogador do clube das Laranjeiras, o volante, de 30 anos, falou sobre as sua características dentro de campo e também sobre a sua experiência na disputa da Libertadores. 
"Parte da torcida aprovou a minha vinda. Sou um atleta que não aparece muito para a torcida, mas que ajuda bastante o time. Aquele chamado "trabalho sujo". Fico feliz de voltar ao Rio, de disputar a Libertadores, é minha nona Libertadores. Fico feliz de ter começado com a vitória, depois conseguir outra vitória e sempre vestir a camisa do Fluminense buscando vitórias", afirmou.
Publicidade
Sobre a possível rejeição por parte de alguns torcedores na sua contratação, o jogador relembrou que o mesmo aconteceu na sua passagem pelo Athletico-PR nos anos de 2018, 2019 e 2020.
Publicidade
"Vi muitas manifestações e prefiro ficar com as positivas. Quando cheguei ao Athletico-PR também houve algumas críticas, mas atuei por três temporadas, fui capitão, conquistei quatro títulos, sendo uma Copa do Brasil e uma Sul-Americana. Acredito que com o tempo, terei a oportunidade de provar dentro de campo o valor que eu tenho", disse.
A respeito da disputa da Libertadores, o volante afirmou que a expectativa do atual elenco do Fluminense é briga pelo título da competição. "A expectativa dos torcedores é a mesma que a nossa. Temos que pensar em competir, com os melhores e buscar o título. Não tem outra forma com a camisa do Fluminense. Precisamos competir em nível alto e devemos ir em busca da conquista", concluiu.