Por causa do coronavírus, Aeroporto do Galeão terá redução de 90% dos voos em abril

Extensão do terminal 2, o Píer Sul foi fechado por tempo indeterminado

Por O Dia

Secretaria Estadual de Saúde atuando no Galeão
Secretaria Estadual de Saúde atuando no Galeão -
Rio - O Aeroporto Internacional Tom Jobim (Galeão) prevê redução média de 90% do total de voos no próximo mês de abril. A projeção é que serão cancelados 93% dos voos internacionais e 87% de domésticos. Conforme a operação de malha essencial divulgada pela Anac, até o fim de abril, o aeroporto do Galeão terá movimentação reduzida a três voos diários (pousos e decolagens) da GOL Linhas Aéreas, para o Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo.
A estimativa foi divulgada nesta quinta-feira pela concessionária RIOgaleão que administra o aeroporto do Rio de Janeiro. O cenário previsto é resultado da crise provocada pela pandemia do novo coronavírus no país.

Para se adequar a este cenário, até o dia 30 de abril, o RIOgaleão suspenderá suas atividades durante a madrugada. Das 23h às 5h, o Aeroporto Internacional Tom Jobim ficará fechado a passageiros e integrantes. Até o dia 20 de abril, o acesso ao terminal 2 será feito exclusivamente pela porta B, no piso de Embarque, e pela porta A, no piso de Desembarque.
Segundo a concessionária, a crise no setor de saúde provoca adequações operacionais constantes, de modo a permitir que o aeroporto continue funcionando e que o impacto seja o menor possível. Em função disso, também foi decidido o encerramento temporário das atividades do Píer Sul, extensão do terminal 2 com 100 mil metros quadrados e investimento de cerca de R$ 2 bilhões, onde estão localizadas 26 pontes de embarque, salas VIPs, lojas e restaurantes.
Os embarques, domésticos e internacionais passarão a ser realizados pelas 17 pontes de embarque do terminal 2. Além disso, a partir do próximo dia 1º de abril, a pista 10/28, uma das duas de pousos e decolagens, terá as atividades encerradas durante o período de crise, visando a diminuir os custos de manutenção envolvidos na operação.
Obrigações financeiras
Outras ações vêm sendo feitas para reduzir o impacto financeiro. Uma delas é a redução em 15% dos salários dos diretores e gerentes por tempo indefinido. A área comercial também renegocia contratos dos estabelecimentos comerciais.
* Com Agência Brasil

Comentários