Mulher é presa quando tentava roubar carne e vodka para bancar churrasco do coronavírus

Ação ocorreu no supermercado Armazém do Grão, em Corrêas. Polícia foi chamada após seguranças do estabelecimento desconfiarem das atitudes da mulher no interior da loja

Por O Dia

A Polícia Militar foi acionada por funcionários do estabelecimento, onde a mulher já havia sido detida pelos seguranças
A Polícia Militar foi acionada por funcionários do estabelecimento, onde a mulher já havia sido detida pelos seguranças -
Petrópolis - Depois de tentar sair de um supermercado sem pagar mercadorias, uma mulher, de 54 anos, foi presa na noite do último domingo, em Corrêas. Uma peça de maminha e uma garrafa de vodka foram recuperadas e devolvidas ao Supermercado Armazém do Grão, de onde tinham sido furtadas. Segundo informações, a mulher havia furtado as peças para bancar um churrasco para amigos e família no próximo final de semana.
A Polícia Militar foi acionada por funcionários do estabelecimento, onde a mulher já havia sido detida pelos seguranças. Para os policiais, a mulher assumiu o crime e confessou, chorando, que já havia planejado a ação incentivada por conhecidos. Após ser levada para a 105ª Delegacia de Polícia (DP), no Retiro, a suspeita ficou presa e foi autuada em flagrante pelo crime de furto a estabelecimento comercial.

Comentários