A cozinheira Marcia Novena ao lado do proprietário da autoescola Serra Verde, Marco Antônio NetoDivulgação

Petrópolis - O ano de 2021 foi atípico para todas as pessoas, complexo em relação a novas conquistas, mas para a cozinheira petropolitana Marcia Novena, de 51 anos, foi o ano que vai ficar marcado como o primeiro passo para a liberdade de aprender a dirigir. Um sonho que foi adiado, várias vezes, a última delas, por causa do câncer.

Em janeiro de 2011, aos 40 anos, Marcia descobriu um câncer de mama. A partir daí vieram inúmeros questionamentos, tristeza e revolta por ter sido acometida pela doença. Um processo difícil, mas a vontade de viver era maior. Marcia começou o tratamento em julho de 2011, com sessões de quimioterapia e radioterapia, que terminaram em março de 2012.

Dez anos depois, Marcia continua em tratamento. Toma diariamente um remédio para reduzir o risco de reincidência da doença. “Tomei o remédio por cinco anos e o médico indicou que eu tomasse por mais cinco. O tratamento termina este ano. São dez anos de luta e de muita fé”, destacou.

Marcia hoje vive a vida de antes da descoberta do câncer de mama. Trabalha, cuida da família e de todos seus afazeres. Mas a vontade de aprender a dirigir, ainda estava guardada no coração. Estava porque este ano, esse sonho vai se concretizar, por meio de uma parceria da Associação Petropolitana dos Pacientes Oncológicos (APPO) com a Auto Escola Serra Verde.

“Eu recebi a ligação da APPO, falando que eu tinha sido a escolhida para receber uma carteira de habilitação. Eu nem acreditei na hora. Não sabia se ria ou se chorava! Agradeci muito e agora estou ansiosa para começar as aulas”, relembrou Márcia.

A parceria da APPO com a Auto Escola Serra Verde, vem desde 2016. Ao longo dos anos, a colaboração chegou de diversas formas e, desta vez, por meio de uma carteira de habilitação para uma paciente atendida pela instituição. Para a escolha de quem seria contemplada, vários nomes foram indicados pelos colaboradores da APPO e avaliados pelo setor de psicologia e serviço social da associação. Após uma análise criteriosa, chegou-se à decisão de que Marcia seria a contemplada.

“Nos preocupamos muito com as questões sociais e desde que tivemos conhecimento da credibilidade do trabalho da APPO, fizemos questão de contribuir com tudo que estivesse ao nosso alcance. Este ano, vamos doar o curso de formação de condutor em veículo automático para a Marcia e estamos muito felizes em fazer parte deste momento na vida dela”, destacou Marco Antônio Neto, proprietário da autoescola.

A Serra Verde é a única da Região Serrana que oferece o serviço de formação de condutor em veículo automático, para pessoas com necessidades especiais e também o mais indicado para mulheres que tiveram câncer de mama. De acordo com a ginecologista e mastologista, Marilda Plácido, as mulheres que passam pela cirurgia de mama, na maior parte dos casos, também são submetidas ao esvaziamento axilar, para retirar os gânglios da axila, que é para onde, geralmente, o câncer se espalha.
“Este procedimento interfere no sistema de drenagem linfática da região, que pode causar uma retenção de líquido. Qualquer esforço físico feito produz um líquido e, com a drenagem prejudicada, pode haver inchaço, principalmente no membro superior do lado onde o procedimento foi feito”, explica Marilda.

Por isso, é indicado que a paciente não faça esforço excessivo e repetitivo, como carregar peso, varrer, mexer a panela por muito tempo e dirigir, já que, dependendo do carro, pode exigir muito esforço. O mais indicado para esses casos é que o carro tenha direção hidráulica e seja automático para minimizar o esforço feito e o risco de inchaço, vantagem e facilidade que só a Serra Verde oferece em Petrópolis.

A equipe da APPO ficou feliz em fazer parte deste momento na vida de Marcia: “Em primeiro lugar, é a realização de um sonho para qualquer mulher, estar habilitada para dirigir. Não é apenas uma carteira de motorista, tem um significado muito maior de liberdade, de não depender de outras pessoas para coisas simples no dia a dia. Que outras empresas, sigam o exemplo da Auto Escola Serra Verde e façam a diferença na vida das pessoas com câncer”, destacou Ana Cristina Mattos, presidente voluntária da APPO.

Para Marcia, ter a carteira de habilitação em mãos vai ser mais uma vitória de tantas que ela experimentou na vida. A mais importante, sem dúvida, foi vencer o câncer de mama: “Vai me mostrar mais uma vez que eu sou uma mulher vitoriosa e que tudo na vida é possível. Se você está passando por um momento difícil na vida, seja ele qual for, jamais se esqueça, que nunca devemos perder a fé em Deus, na vida e no ser humano. Você também vai vencer e sair vitoriosa!”.

Mais informações sobre a APPO ou como se tornar um parceiro e mudar a vida de algum paciente oncológico, podem ser obtidas na sede da APPO – Associação Petropolitana dos Pacientes Oncológicos, localizada à Rua Visconde da Penha, nº 72 - Centro – Petrópolis – RJ, por meio do telefone fixo (24) 2242-0956, do WhastsApp (24) 99274-1377, do site www.appo.org.br, do e-mail [email protected] ou ainda das mídias sociais Facebook @appo.org (https://www.facebook.com/appo.org) e Instagram @associacaopetropolitana (https://www.instagram.com/associacaopetropolitana/).