'Foi mais uma vítima da violência', diz cunhada de idoso morto em Vila Isabel

Sérgio Dias Rabelo, 66 anos, foi atingido enquanto voltava do cinema com a namorada na noite desta quinta-feira

Por O Dia

Rio - A família de Sérgio Dias Rabelo, que foi morto durante um assalto em Vila Isabel, na Zona Norte, esteve no Instituto Médico Legal (IML) para reconhecer o corpo da vítima na manhã desta sexta-feira. O aposentado, de 66 anos, foi baleado na Rua Jerônimo de Lemos enquanto voltava do cinema com a namorada na noite desta quinta-feira. A cunhada dele, que preferiu não se identificar, lamentou a morte e disse que ele era "uma pessoa muito boa". 

O aposentado Sérgio Dias Rabelo%2C 66 anos%2C foi morto ao sair do cinema com a namorada%2C em Vila IsabelAcervo Pessoal

"Ele adorava ir ao cinema e ao shopping. Era uma pessoa super querida. Infelizmente, foi mais uma vítima da violência dessa cidade. A violência piorou muito no bairro, temos casos frequentes de assaltos", reforçou a cunhada. 

Na ocasião do crime, testemunhas avisaram a PMs que passavam por perto sobre o roubo na rua. Segundo a Polícia Civil, ao chegarem no local, os militares foram atacados pelos bandidos e um dos disparos acabou acertando a vítima. Os suspeitos conseguiram fugir com o carro de Sérgio. 

A polícia informou que o grupo também roubou pertences de passageiros de outro veículo na Rua Barão de Cotegipe, que fica a menos de 800 metros de onde Sérgio foi morto. A polícia reforçou que uma perícia já foi realizada no local e o caso está sendo investigado Delegacia de Homicídios da Capital (DH). Ainda não há informações sobre o enterro da vítima.

Últimas de Rio De Janeiro