'Será que vai haver justiça?', questiona prima de jovem morto em Ipanema

Daniel Barbosa Silva Gomes, de 20 anos, foi assassinado após reagir a um assalto na noite do último sábado

Por O Dia

Daniel da Silva Gomes tinha 20 anos e era apaixonado por futebol e pelo FlamengoAcervo Pessoal

Rio - O corpo de Daniel Barbosa Silva Gomes, de 20 anos, será enterrado no Cemitério São João Batista, em Botafogo, na manhã desta terça-feira. O jovem foi morto ao reagir a um assalto na altura do posto 9, na Praia de Ipanema, após sair de um bloco na noite do último sábado. Cerca de 60 parentes e amigos foram ao cemitério prestar as últimas homenagens ao rapaz, que era morador da Rocinha.

De acordo com a PM, oito bandidos cercaram o jovem e os amigos, que voltavam no bloco Bafafá, perto de um quiosque, na tentativa de roubar seus pertences. Houve reação e um tumulto se formou. Logo depois, Daniel foi encontrado caído na areia da praia, com um ferimento a faca nas costas, constatado pelo Corpo de Bombeiros. 

Jovem foi enterrado nesta terçaEstefan Radovicz / Agência O Dia

Prima da vítima, Patrícia Reis contou que Daniel era "tranquilo, não costumava sair muito". O jovem completaria 21 anos no próximo dia 27. Seu sonho era ser jogador de futebol e era apaixonado pelo Flamengo.

 "Ele era muito amigo, tinha um coração muito bom. Além da dor que é muito grande, tem essa questão: será que realmente vai haver justiça? Acho que isso é o mais revoltante", destacou Patrícia. 

?Reportagem do estagiário Rafael Nascimento

Últimas de Rio De Janeiro