Mais Lidas

Manifestantes protestam contra reformas da Previdência e Trabalhista no Rio

Carro foi incendiado na Ponte Rio-Niterói e grupo fez ato em Caxias. Ainda nesta manhã, Avenida Francisco Bicalho foi interditada

Por gabriela.mattos

Rio - A sexta-feira está sendo marcada por diversos atos contra as reformas Trabalhista e da Previdência. Logo cedo, dois manifestantes incendiaram um carro na Ponte Rio-Niterói, abandonaram o veículo e deixaram o local em duas motos. Perto do carro, eles deixaram uma faixa com os dizeres: "Podres poderes. Trabalhador resiste". As quatro pistas do sentido Rio foram fechadas e motoristas enfrentaram um nó no trânsito. O tempo de travessia chegou a 40 minutos.

Manifestantes também fizeram um protesto na Rodovia Washington Luiz%2C na entrada da Reduc%2C em Duque de CaxiasDivulgação

Por volta das 9h, representantes sindicais ocuparam um trecho da Avenida Francisco Bicalho, na altura da linha férrea, na Zona Portuária. Manifestantes atearam fogo em pneus e interditaram a via. O trânsito, que ainda sofria reflexos da interdição da Ponte Rio-Niterói, ficou ainda mais confuso. Houve congestionamentos na Avenida Brasil, na Rua Francisco Eugênio, na Linha Vermelha e no Viaduto do Gasômetro.

Carro foi incendiado na Ponte Rio-NiteróiReprodução TV Globo

O grupo se deslocou para o Trevo das Forças Armadas, no sentido Avenida Presidente Vargas. Também houve interdições na Avenida Rio de Janeiro, no sentido Avenida Brasil, perto da Rodoviária Novo Rio. Durante a manifestação, um homem foi preso por policiais do 4º BPM (São Cristóvão) por incendiar uma árvore.

De acordo com o Centro de Operações Rio, há um fluxo intenso na região e os motoristas devem optar pela Via Binário. A melhor opção neste momento é utilizar o transporte público.

Homem é preso por incendiar árvore na manifestaçãoDivulgação

Ainda no Centro, os bancos da Avenida Rio Branco não abriram em apoio aos protestos desta sexta-feira. Já na Zona Oeste, um grupo interditou parcialmente a Estrada dos Três Rios, na Freguesia, perto da Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá. Houve lentidão na via.

Em paralelo, um grupo protestou em frente à Reduc, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Com cartazes, manifestantes bloquearam o acesso à refinaria na Rodovia Washington Luiz, em direção a Petrópolis. Até às 9h, a via continuava interditada.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia