Domingos Brazão presta depoimento no caso Marielle

Polícia Civil investiga relação do ex-deputado estadual com a principal testemunha do atentado que matou vereadora e o motorista dela

Por O Dia

Domingos Brazão foi convocado a depor no caso Marielle
Domingos Brazão foi convocado a depor no caso Marielle -

Rio - O ex-deputado estadual Domingos Brazão chegou à Delegacia de Homicídios (DH) da Capital, na manhã desta segunda-feira, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade, acompanhado do seu advogado, Ubiratan Guedes, para prestar depoimento sobre a sua relação com a principal testemunha do caso Marielle Franco. A vereadora e o motorista Anderson Gomes foram assassinados na noite do dia 14 de março, em uma rua do Estácio, na região central do Rio.

Na saída do depoimento, o ex-deputado negou que ele ou seu assessor Gilberto Ribeiro tenham relação com a testemunha do caso. Brazão também negou que tenha desavenças com o vereador Marcello Siciliano e afirmou que não conhecia Marielle Franco. "Foi perguntado se eu conhecia a testemunha. Não conheço nem faço ideia de quem seja. Ele (a testemunha) não tem nenhuma ligação com o Gilberto. Ao que me parece, ele não conhece o Gilberto. Também nunca tive desavenças com Siciliano", disse. 

"Conhecia a Marielle apenas de nome e pela eleição, pelo fato de ela ter figurado como um dos vereadores mais votados. E, agora, com esse infeliz acontecimento. Foram essas duas vezes que eu ouvi falar da vereadora. Torço para que esse caso seja elucidado o mais rápido possível. Como cidadão, como agente público, a gente torce pra isso. Acho que os investigadores ficaram contentes com meu depoimento e não acho necessário voltar aqui", finalizou.

Domingos Brazão presta depoimento na Delegacia de Homicídios - Reprodução TV Globo

Na última terça-feira, agentes da DH estiveram no Tribunal de Contas do Estado do Rio (TCE) para intimar Brazão, que está afastado das atividades de conselheiro daquele tribunal, e um técnico lotado no tribunal. Na ocasião, o ex-deputado pediu para remarcar seu depoimento, inicialmente previsto para quinta-feira passada.

Segundo a Polícia Civil, o caso segue sob sigilo na DH da Capital.

 

Galeria de Fotos

Domingos Brazão foi convocado a depor no caso Marielle REPRODUÇÃO
Domingos Brazão presta depoimento na Delegacia de Homicídios Reprodução TV Globo
18/06/2018 - Domingos Brazão presta depoimento na Delegacia de Homicídios (DH) na Barra da Tijuca, sobre o caso da morte da Vereadora Marielle Franco do Psol. Foto de Maíra Coelho / Agência O Dia. Polícia, Morte, Assassinato, Milícia, Psol, Marielle, Franco, DH Maíra Coelho / Agência O Dia

Últimas de Rio de Janeiro