Mais Lidas

Policial militar é morto em tentativa de assalto ao chegar em casa em São Gonçalo

O carro do subtenente Rogenir Moura de Oliveira foi alvo de mais de 15 tiros

Por O Dia

Polícia acredita em tentativa de roubo a Rogenir, o 58º PM morto
Polícia acredita em tentativa de roubo a Rogenir, o 58º PM morto -

Rio - O subtenente da Polícia Militar Rogenir Moura de Oliveira, de 50 anos, foi assassinado, na noite desta segunda-feira, em uma tentativa de assalto, em São Gonçalo, na Região Metropolitana do estado. O agente estava chegando em sua residencia com seu carro, na Rua João Silvares, no bairro de Brasilândia, por volta de 23h quando foi abordado pelos assaltantes, que estavam em um FOX preto. Ele não obedeceu a ordem dos criminosos de sair do carro e o veículo foi alvejado por vários tiros. O militar, lotado no 16º BPM (Olaria), estava na corporação desde 1989 e deixa um filho.

Em um vídeo enviado ao WhatsApp do DIA - (21) 98762-8248 - (assista abaixo) é possível ver a ação dos bandidos. Nas imagens percebe-se que dois assaltantes descem do carro em que estão e abordam o PM. Eles disparam mais de 15 tiros contra o veículo do policial, que tenta sair do local, nas não consegue. Os criminosos fogem logo em seguida sem levar nada.

De acordo com a Polícia Militar, o policial foi socorrido por familiares e levado ao Posto de Saúde São Gonçalo, mas não resistiu aos ferimentos. Agentes do batalhão do município (7º BPM) foram acionados e estiveram no local. A Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG) investiga o crime.

O subtenente Rogenir foi o 58º policial militar morto em todo o estado em 2018. O último caso aconteceu na quinta-feira da semana passada, quando o cabo Thiago Abraão Lopes da Silva, de 33 anos, e sua mulher, Deise Tarquínio da Silva, que estava grávida de dois meses, morreram atropelados por bandidos em fuga, em Duque de Caxias, na Baixada, quando estavam em uma moto.

Recompensa

Poucas horas depois da morte do policial, o Dique Denúncia divulgou um cartaz oferecendo R$ 5 mil de recompensa a quem der informações que possam levar à prisão dos assassinos do PM. A entidade afirma que o anonimato é garantido e que qualquer informação que receber será encaminhada à DHNSG.

As denúncias podem ser feitas pelo Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099; Central de Atendimento do Disque Denúncia: (21) 2253-1177; Facebook/(inbox): www.facebook.com/procurados.org/; ou pelo aplicativo Disque Denúncia RJ.

Entidade oferece recompensa de R$ 5 mil para encontrar assassinos do PM - Divulgação / Disque Denúncia

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Polícia acredita em tentativa de roubo a Rogenir, o 58º PM morto Arquivo Pessoal
O PM era lotado no 16º BPM (Olaria) Arquivo Pessoal
Entidade oferece recompensa de R$ 5 mil para encontrar assassinos do PM Divulgação / Disque Denúncia