Polícia investiga morte de jovens em comunidade e recolhe armas de PMs

Vítimas teriam desobedecido ordem de parada de PMs e foram atingidas por disparos

Por O Dia

Victor e Vitor foram abordados na esquina da Rua Niterói com a Saquarema, em São João de Meriti.
Victor e Vitor foram abordados na esquina da Rua Niterói com a Saquarema, em São João de Meriti. -

Rio - A Polícia Civil investiga a morte de dois jovens, na noite de domingo, em São João de Meriti, na Baixada Fluminense. Vitor Oliveira de Souza e Victor Hugo de Jesus Pires foram feridos por disparos de PMs quando desciam de motocicleta uma rua da comunidade Vila Ruth. Eles foram socorridos na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, mas não resistiram. A Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) apura o crime.

A dupla teria desobedecido a ordem de parar de um policial militar na Rua Coronel Raimundo Sampaio, no bairro Jardim Santa Rosa. Militares do 21º BPM fizeram um cerco e abordaram as vítimas na esquina da Rua Niterói com a Saquarema, já em Vilar dos Teles, atirando contra eles. 

Segundo a Polícia Civil, os policiais militares envolvidos na ação foram ouvidos e tiveram suas armas apreendidas e encaminhadas à perícia. A Corregedoria da Polícia Militar também analisa o caso. A corporação não divulgou qualquer indício de que os rapazes tenham ligação com o tráfico local. Os corpos de Victor e Vitor foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML). Ainda não há informações sobre a data e local de sepultamento dos dois.

 

Últimas de Rio de Janeiro