PM morre em confronto com criminosos em São Gonçalo

Policiais foram checar denúncia sobre roubo de carga quando acabaram atacados por bandidos

Por Maria Inez Magalhães e Renan Schuindt

Policial Guilherme da Costa Penetra foi atingido na cabeça
Policial Guilherme da Costa Penetra foi atingido na cabeça -

Rio - Um policial militar do 7º BPM (São Gonçalo) morreu na manhã deste sábado em confronto com criminosos da comunidade Buraco da Cobra, no Boaçu, em São Gonçalo, na Região Metropolitana. O cabo Guilherme da Costa Penetra, de 32 anos, estava na corporação desde 2011 e deixa um filho de 8 anos.

De acordo com a PM, uma equipe de policiais se deslocou para atender um chamado sobre um roubo de carga. Ao chegar no local, houve confronto e o cabo acabou atingido na cabeça. Ele foi encaminhado para o Hospital Estadual Alberto Torres, no Colubandê, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

No hospital, colegas de farda lamentaram a morte de mais um companheiro. "É desesperador. Não tenho palavras. Mais um companheiro que se vai. O sentimento é de resignação, de impotência", disse um militar.

A PM informou que homens do 7º BPM (São Gonçalo) e do Batalhão de Choque (BPChq) realizam operação na comunidade, neste sábado, com o objetivo de localizar os criminosos envolvidos no assassinato do policial.

O sepultamento de Guilherme será neste domingo, às 15h, no Cemitério Memorial Parque Nycteroy, no bairro Laranjal, em São Gonçalo.

Equipes da Divisão de Homicídios foram até o hospital para onde o policial foi encaminhado - Estefan Radovicz / Agência O Dia

 

Galeria de Fotos

Policial Guilherme da Costa Penetra foi atingido na cabeça Reprodução da Internet
Hospital Estadual Alberto Torres Estefan Radovicz

Últimas de Rio de Janeiro