Operação das Forças Armadas prende quatro no Complexo do São Carlos

Ação, que foi iniciada na manhã desta quarta-feira, é para reestruturação da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) São Carlos

Por O Dia

Militares revistam veículos próximo ao Túnel Santa Barbara, sentido Centro
Militares revistam veículos próximo ao Túnel Santa Barbara, sentido Centro -

Rio - A operação do exército, pelo segundo dia consecutivo, no Complexo do São Carlos, no Centro do Rio, teve quatro presos. Nesta quarta, no primeiro dia, um suspeito morreu após ser baleado durante um confronto. A ação, que foi iniciada na manhã desta quarta-feira, é para reestruturação da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) São Carlos, segundo o Exército.

De acordo com o Comando Conjunto da Intervenção, mais de mil militares realizam a operação. Até o momento, foram apreendidas cinco granadas, uma pistola 9mm, cinco carregadores de fuzis e cinco carregadores de pistola, uma luneta, 11 molas de carregador de fuzil, 197 munições variadas, três coldres, três rádios transmissores, três balanças de precisão, um triturador de erva e grande quantidade de drogas – ainda não contabilizadas. Na ação, também foram recuperados oito carros e sete motos em situação irregular.

Estão sendo realizados cerco na região, estabilização dinâmica da área, retirada de barricadas e cumprimento de mandados de prisão. Revistas seletivas de pessoas e veículos também estão sendo efetuadas.

Últimas de Rio de Janeiro