Polícia prende suspeitos de agredir e matar jovem em Seropédica

Vítima de 21 anos voltava para casa com amigo quando foi espancada por grupo de seis pessoas. Crime aconteceu no dia 19 de outubro

Por O Dia

Nicolas Nonato tinha 21 anos
Nicolas Nonato tinha 21 anos -

Rio - Uma ação da Polícia Civil prendeu, na manhã desta quarta-feira, cinco suspeitos de agredir e matar um jovem de 21 anos em Seropédica. Os presos foram capturados em Campo Grande, na Zona Oeste.

Segundo as investigações, no dia 19 de outubro, Nicolas Nonato Oliveira Soares deixou uma festa realizada em uma casa de shows da cidade de Seropédica e, na companhia de um primo, dirigia-se à sua residência. Durante o trajeto, eles foram abordados por seis indivíduos que desceram de um veículo e começaram a espancá-los.

Gravemente ferido, Nicolas foi levado à UPA de Seropédica e posteriormente ao Hospital da Posse, em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. O adolescente sofreu um traumatismo crânio-encefálico, provocado pelos socos e chutes que recebeu na cabeça, e faleceu dez dias após a agressão.

Ainda de acordo com as investigações, agentes da Polícia Civil cumpriram um mandado de prisão temporária contra um dos suspeito na participação do crime na segunda-feira, dia 12 de novembro. Com o avançar das diligências, os demais agressores tiveram mandados de prisão cumpridos nesta manhã.

Segundo a Polícia Civil, os presos já haviam se envolvido em um outra briga na mesma casa de shows onde Nicolas estava na noite do crime. Eles devem responder por homicídio doloso. 

Nicolas pretendia fazer vestibular para ingressar na Universidade Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). O amigo da vítima e testemunha do crime, também agredido, é aluno da universidade.

Últimas de Rio de Janeiro