Guarda municipal do Rio é morto a tiros em tentativa de assalto em Duque de Caxias

João Tavares Malta estava de folga e foi assassinado na porta de casa, quando foi abordado por bandidos

Por O Dia

João Tavares foi atacado por ladrões na porta da garagem de casa
João Tavares foi atacado por ladrões na porta da garagem de casa -

Rio - Um guarda municipal do Rio foi morto a tiros, na madrugada desta quarta-feira, durante uma tentativa de assalto em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. De acordo com testemunhas, João Tavares Malta, de 52 anos, foi assassinado na porta de casa, quando foi abordado por bandidos. O agente, que estava de folga, foi socorrido em estado grave no Hospital Municipal Dr. Moacyr Rodrigues do Carmo, mas não resistiu aos ferimentos.

O guarda era lotado no Batalhão de São Cristóvão, na Zona Norte da capital. A Guarda Municipal emitiu uma nota de pesar pela morte do agente. A corporação informou que acompanha as investigações da polícia e presta todo auxílio necessário à família.

Com a morte de João Tavares, já chega a 117 o número de agentes da segurança pública do Rio assassinados em 2018. São 85 policiais militares, sete policiais civis, oito militares do Exército, cinco da Marinha e um da Aeronáutica, cinco agentes penitenciários e um do Degase, três militares do Corpo de Bombeiros, um guarda municipal de Silva Jardim e um da capital, além de um policial federal e um agente da PRF.

Recompensa

O Disque denúncia divulgou que está oferecendo uma recompensa de R$ 5 mil por informações que levem à captura dos responsáveis pela morte do guarda. Quem tiver qualquer informação pode entrar em contato através dos seguintes canais: WhatsApp ou Telegram Portal dos Procurados: (21) 98849-6099; Facebook/(inbox): www.facebook.com/procurados.org; Disque-Denúncia :(21) 2253-1177; ou pelo aplicativo da entidade.

O Disque Denúncia avisa que as denúncias são anônimas e que todas as informações que receber serão encaminhadas para a Delegacia de Homicídios da Baixada (DHBF), que investiga o caso.

Cartaz da entidade sobre a morte do guarda - Divulgação / Disque Denúncia

Galeria de Fotos

João Tavares foi atacado por ladrões na porta da garagem de casa Arquivo Pessoal
Cartaz da entidade sobre a morte do guarda Divulgação / Disque Denúncia

Últimas de Rio de Janeiro