Polícia prende pai acusado de estuprar a própria filha em Nova Iguaçu

Adolescente de 12 anos saiu de Paraíba do Sul para passar as férias com o pai, na Baixada, onde o crime foi praticado

Por O Dia

A prisão do suspeito foi feita por policiais civis da delegacia de Nova Iguaçu
A prisão do suspeito foi feita por policiais civis da delegacia de Nova Iguaçu -

Rio - Policiais 52ª DP (Nova Iguaçu) prenderam, nesta quinta-feira, um suspeito de estuprar a própria filha, de 12 anos, no município da Baixada Fluminense. R.M.R teria cometido o crime em dezembro do ano passado. Contra ele havia um mandado de prisão em aberto por estupro de vulnerável.

De acordo com a Polícia Civil, a adolescente saiu de Paraíba do Sul, no Centro-Sul Fluminense, onde mora, para passar as férias na casa do pai, em Nova Iguaçu. Ao retornar para Paraíba do Sul, a mãe recebeu uma carta escrita por ela, onde havia detalhes do abuso.

Segundo a carta, o pai abaixou suas roupas e passou a mãe em suas partes íntimas. Depois, ela pediu socorro à madrasta, que foi até o local, para levá-la de volta a Paraíba do Sul.

A adolescente disse que escreveu a carta porque não tinha condições psicológicas para falar com a mãe por causa do trauma sofrido. 

Comentários