Muzema: Buscas por desaparecidos em desabamentos entram no terceiro dia

Militares dos bombeiros, como auxílio do Exército, trabalharam durante toda a madrugada na busca por 15 desaparecidos. Na noite deste sábado, os corpos de uma mulher e um menino foram encontrados, aumentando para nove o número de mortos

Por O Dia

Bombeiros trabalham no resgate de vítimas. Buscas entram pelo terceiro dia consecutivo
Bombeiros trabalham no resgate de vítimas. Buscas entram pelo terceiro dia consecutivo -

Rio - As buscas por vítimas do desabamento de prédios na Favela da Muzema, no Itanhangá, entrou no terceiro dia consecutivo neste domingo. Militares do Corpo de Bombeiros, com o auxílio do Exército, trabalharam durante toda a madrugada para encontrar 15 desaparecidos. Na noite deste sábado, os corpos de uma mulher e um menino foram encontrados, aumentando para nove o número de mortos.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, são mais de 100 militares trabalhando na região dos desabamento, com o auxílio de cães farejadores, drone, helicópteros, ambulâncias e viaturas de recolhimento de cadáveres.

Polícia investiga desabamentos

O caso do desabamento está sendo investigado pela 17ª DP (Barra da Tijuca). A delegacia investiga inicialmente quem são os responsáveis pelo terreno onde os prédios foram construídos e qual foi a motivação. Testemunhas e sobreviventes que moravam nos prédios serão ouvidos.

Quem são as vítimas fatais

- Raimundo Nonato do Nascimento, 40 anos

- Pedro Lucas, 7 anos

- Hiltonberto Rodrigues, 12 anos

- Maria Nazaré de Souza

- Hilton Guilherme Sodré de Souza

- Cláudio Rodrigues, 41 anos

- Menino ainda não identificado

- Mulher ainda não identificada, retirada dos escombros na noite deste sábado

- Menino não identificado, retirado dos escombros na noite deste sábado

Comentários