Polícia Civil prende oito acusados de crimes violentos em Magé

Prisões foram nas comunidades Fonte e Lagoa, no município da Região Metropolitana do Rio, com apoio de 10 delegacias do Departamento Geral de Polícia da Baixada

Por O Dia

Oito pessoas são presas preventivamente em Magé
Oito pessoas são presas preventivamente em Magé -

Rio - Oito pessoas foram presas na manhã desta segunda-feira acusadas de crimes violentos de rua, como homicídio, latrocínio tentado, roubo de veículo, roubo de cargas e roubo a transeunte. As prisões foram nas comunidades Fonte, Lagoa e outras localidades de Magé, em operação da Polícia Civil do município da Região Metropolitana do Rio com apoio de 10 delegacias do Departamento Geral de Polícia da Baixada.

A operação se fez necessária porque os foragidos da Justiça se escondiam em comunidades conflagradas pelo tráfico de drogas.

A identificação e localização dos foragidos foi possível pela ação do Setor de Busca Eletrônica, segundo a Delegacia de Magé (65ªDP). Os mandados são de prisão preventiva, para que os capturados respondam por seus crimes presos.

Confira o nome dos homens presos:

Giusley Lopes Rebello (Homicídio)

Daniel Cajueiro da Silva (Roubo de veículo)

Fabricio da Silva Domingues (Roubo de veículo)

Vagner da Silva Vedana (Latrocínio tentado)

André Gomes da Silva (Latrocínio tentado)

Rodrigo da Silva Garcez (Roubo a transeunte)

Marcos Paulo dos Santos Moura (Roubo a transeunte)

Eduardo Barreto Leal (Roubo qualificado) 

Comentários