Tiroteio em Angra dos Reis interdita rodovia Rio-Santos e causa pânico em moradores

Troca de tiros aconteceu na comunidade Sapinhatuba 1, às margens da BR-101, onde Witzel fez vídeo no sábado. Três pessoas ficaram feridas

Por O Dia

Alunos e professores da Escola Municipal Antonio Joaquim de Oliveira, em Sapinhatuba 1, deitaram no chão para fugir da linha de tiro
Alunos e professores da Escola Municipal Antonio Joaquim de Oliveira, em Sapinhatuba 1, deitaram no chão para fugir da linha de tiro -
Rio - Um intenso tiroteio às margens da rodovia Rio-Santos (BR-101), em Angra dos Reis, na Costa Verde, deixou três pessoas feridas e causou a interdição da via, na manhã desta quinta-feira. Crianças de uma escola e passageiros de um ônibus tiveram que se proteger dos disparos, próximo à comunidade Sapinhatuba 1.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, a pista foi fechada por volta das 10h, devido a troca de tiros na comunidade. A Polícia Militar informou que policiais do 33º BPM (Angra) foram chamados para intervir numa troca de tiros entre facções rivais na comunidade, mas até o momento, não há informações sobre presos ou apreensões.
Três pessoas ficaram feridas e foram encaminhadas para o Hospital Geral da Japuíba. Duas estariam passando de carro pela rodovia Rio-Santos no momento do tiroteio. A terceira vítima foi atropelada ao tentar escapar dos disparos.
Crianças e professores da Escola Municipal Antonio Joaquim de Oliveira, na Sapinhatuba 1, tiveram que deitar no chão de uma sala para fugir da linha de tiro. Em um áudio que circulou nas redes sociais, uma professora descrevia a situação para tranquilizar os pais. 
"Nós estamos com todos os alunos na sala de tv, deitados no chão. Eu só peço que não venham pra cá agora. Nós e todos os funcionários estamos protegendo as crianças da melhor maneira possível. Tentem orar para que tudo dê certo", pediu a funcionária.
Passageiros de um ônibus que transitava próximo ao local também precisaram se proteger.
Passageiros deitam em chão de ônibus para se protegerem de tiroteio em Angra dos Reis - Reprodução/WhatsApp O Dia - (21) 98762-8248
Vídeos enviados por moradores ao aplicativo de violência OTT mostram a manhã de pânico na região.
 
Visita de Witzel
No sábado, o governador Wilson Witzel participou de uma megaoperação da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core), da Polícia Civil, na comunidade Sapinhatuba. No helicóptero que sobrevoou o local, Witzel fez um vídeo em que dizia que ia "botar fim na bandidagem". Segundo os moradores, a aeronave da polícia civil efetuou disparos contra um local de orações no alto de um morro.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Alunos e professores da Escola Municipal Antonio Joaquim de Oliveira, em Sapinhatuba 1, deitaram no chão para fugir da linha de tiro Foto enviada ao zap zap do meia hora
Passageiros deitam em chão de ônibus para se protegerem de tiroteio em Angra dos Reis Reprodução/WhatsApp O Dia - (21) 98762-8248
Passageiros que estavam em ônibus que passava pela BR-101 ficaram no meio do fogo cruzado reprodução de vídeo

Comentários

Últimas de Rio de Janeiro