Menina atingida por bala perdida a caminho da escola na Baixada está em estado grave

Letícia Tamires Gazolla Ferreira foi baleada braço direito e no tórax e está internada no Hospital de Sararucuna

Por O Dia

Familiares de Letícia Tamires e Cristiano Ronaldo no Hospital Saracuruna
Familiares de Letícia Tamires e Cristiano Ronaldo no Hospital Saracuruna -
Rio - A menina atingida por dois tiros quando estava a caminho da escola, na manhã desta terça-feira, na Baixada Fluminense, continua internada em estado grave. Letícia Tamires Gazolla Ferreira, de 9 anos, e o primo, Cristiano Ronaldo Ferreira de Souza, 6, foram baleados durante uma troca de tiros entre PMs e bandidos no Parque Beira Mar, em Duque de Caxias.
Letícia foi atingida no braço direito e no tórax e Cristiano na mão direita. Desde então, os dois estão internados no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes (Saracuruna). Ela passou por duas cirurgias e, de acordo com a Secretaria estadual de Saúde, segue em estado grave. Já o menino tem boa recuperação.
As duas crianças moram no Parque das Missões e estavam a caminho da Escola municipal Aline Gonçalves, onde estudam, quando foram atingidas. Além delas, o vendedor de café Mauricio de Oliveira Silva, 23, no abdômen, também foi ferido, no abdômen. Ele passa bem.
A troca de tiros aconteceu após policiais militares do 15º BPM (Duque de Caxias) terem prendido dois homens que estavam em um caminhão de produtos roubados do centro de distribuição de um supermercado na Rodovia Washington Luís (BR-040).

Comentários