Justiça do Rio vende itens da família de Eike Batista

Está é a segunda fase do leilão

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Eike Batista já havia sido preso em 2017
Eike Batista já havia sido preso em 2017 -
Rio - A 7ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, responsável pelos processos da Lava Jato no Estado, leiloou nesta quinta-feira, jet skis e jet boat do empresário Eike Batista. O valor dos lances, já com o desconto de 20% por se tratar de uma segunda oferta, somavam R$ 112,8 mil. Um carro Pajero também pertencente a família, foi leiloado no valor de R$ 124 mil. 
A segunda fase do leilão está conseguindo melhores resultados do que a primeira, quando apenas um jet ski e um jet boat de Eike foram arrematados por R$ 90,5 mil. Ainda com alguns itens em aberto para receber lances, quatro bens já foram vendidos, e outros, como a lancha do ex-governador do Rio Sergio Cabral, batizada de Manhattan Rio, avaliada em R$ 2,3 milhões, permanecem sem interessados até o momento.
A fazenda do apontado pela Lava Jato como operador financeiro de Cabral, Carlos Miranda, no valor de R$ 2,2 milhões, e um apartamento de Cabral estimado em R$ 435 mil também ainda não receberam proposta.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários