Hospital de campanha do Maracanã começa a ser erguido

Unidade está sendo montada na área do antigo Estádio de Atletismo Célio de Barros

Por O Dia

Rio - O governo do estado iniciou, nesta terça-feira, a montagem do hospital de campanha que será erguido no estádio do Maracanã. Além da unidade na Zona Norte do Rio, outras sete serão construídas pelo estado. Serão 1,8 mil leitos para tratamento de infectados pelo novo coronavírus (covid-19). A expectativa é que todos sejam inaugurados até 30 de abril.
Os outros hospitais serão erguidos em Jacarepaguá, LeblonComplexo de Gericinó (Bangu)Duque de Caxias, São Gonçalo, Campos dos Goytacazes e em Casimiro de Abreu. Cada um vai ter pelo menos 200 leitos. O do Maracanã contará com 400, de acordo com o secretário estadual de Saúde, Edmar Santos.
"Inclusive (com) um desenho arquitetônico em termos de fluxo de trabalho já modernizado. Então, ele vai funcionar muito bem", resumiu o secretário, em entrevista à TV Globo. "Estou fazendo esses leitos para não usar. E para não usar é preciso que as pessoas fiquem em casa".
O hospital do Maracanã está sendo montado na área do antigo Estádio de Atletismo Célio de Barros.