Pedro Fernandes, secretário estadual de Educação, é investigado por desvio de dinheiro

Suspeita é que ele teria recebido propina em contratos assinados pela Fundação Leão XIII

Por iG Último Segundo

Pedro Fernandes
Pedro Fernandes -
Rio -  O secretário estadual de Educação do Rio de Janeiro , Pedro Fernandes (PSC), está sendo investigado pela Polícia Civil por suposta participação em esquemas de desvio de dinheiro. A suspeita é de que ele teria recebido propina em contratos assinados pela Fundação Leão XIII, segundo informações do jornal O Globo.
Os contratos apurados pelo inquérito foram estabelecidos entre 2015 e 2018 e somam R$ 66,5 milhões. Eles seriam referentes ao programa "Novo Olhar", que disponibiliza óculos a alunos da rede estadual. Na época, Fernandes era secretário estadual de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Social da gestão do governador Pezão.
Marcus Vinícius Azevedo da Silva, sócio da empresa Riomix, é um dos principais alvos do inquérito. Ele é acusado de comandar as fraudes nas licitações da Fundação Leão XIII. O nome de Pedro Fernandes foi apontado pela Polícia Civil a partir de um caderno e de um celular apreendidos com Marcus Vinícius.
Em nota, Pedro Fernandes diz que está “perplexo” e que as acusações são “absurdas e fantasiosas”. Ele também se coloca à disposição para prestar esclarecimentos às autoridades.

Comentários