Paraíso dos focinhos

ONG de Guaratiba que abriga centenas de animais abandonados e vítimas de violência precisa de ajuda para continuar dando carinho e conforto aos pets

Por O Dia

ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos -

Quando a protetora Lucy faleceu, há poucas semanas, cerca de 100 animais, entre cães e um cavalo, ficaram desamparados sem a dona por perto. Para manter a dignidade e conforto deles, a ONG Paraíso dos Focinhos, de Guaratiba, resolveu assumir a responsabilidade de cuidar e lançou uma campanha de arrecadação de recursos online, já que os custos são muitos.

Com um histórico de ajuda a animais de todo o Rio de Janeiro, principalmente na Zona Oeste, a Paraíso dos Focinhos abriga agora cerca de 450 animais - contando com os de Lucy -, alguns com histórico de zoofilia, maus tratos, abandono e até baleados. Com a chegada dos novos pets, o trabalho que já era difícil ficou ainda mais, e toda ajuda agora é muito bem-vinda.

"Precisamos dar condições melhores de vida e saúde. Vamos cuidar de cada um com o carinho e dignidade que merecem, fazendo a castração e vacinação de todos para que possam ser adotados. Mas para que vivam saudáveis até que esse dia chegue, é preciso transformar o lugar onde eles aguardam por uma família", diz Hanriette Soares, presidente da ONG. 

Os animais ficam em um sítio que era mantido por Lucy, que tinha dificuldades financeiras e não fez obras necessárias no espaço. Toda a ajuda que recebia era usada para alimentar os animais. Agora, a responsabilidade ficou com a ONG, que vai iniciar um série de reformas no local. 

Para ajudar a organização, basta fazer doações no site 'www.kickante.com.br/campanhas/um-paraiso-maior-mais-focinhos. A arrecadação vai durar até o dia 7 de setembro, e quem contribuir receberá alguns brindes, como máscaras, adesivos e outros produtos. Também é possível acompanhar a associação nas redes sociais, no Instagram @ongparaisodosfocinhos e Facebook @oscipparaisodosfocinhos.

DOAÇÃO NA PANDEMIA

Além da ajuda aos animais, a Paraíso dos Focinhos vai participar de uma ação para ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social na Baixada Fluminense, em parceria com o 20º Batalhão de Polícia Militar do estado do Rio de Janeiro, a Loja Leader e a empresa Capital das Cestas. A ONG vai distribuir para crianças 500 livros para colorir, idealizados e criados pela presidente da Associação. Cada exemplar conta a história de animais que sofreram tortura e maus-tratos de uma maneira instrutiva e pedagógica.

Sucesso das redes sociais

O trabalho da ONG Paraíso dos Focinhos no Rio de Janeiro chama atenção até de famosos, que também contribuem para o bem-estar de cerca de centenas animais. A madrinha da associação, por exemplo, é a atriz Paolla Oliveira, e o padrinho é o ator e comediante Marcelo Adnet. 

Além disso, as ações da ONG têm grande repercussão nas redes sociais, principalmente entre os seus mais de 1 milhão de seguidores, somando Facebook e Instagram. São cerca de 4 milhões de engajamento por semana. 

'Castramóvel' chama a atenção nas ruas do Rio

A Paraíso dos Focinhos iniciou em 2018 um projeto para evitar o crescimento desenfreado da população de animais de rua e educar os tutores em relação às suas responsabilidades com os bichos. O "Castramóvel", um ônibus adaptado com materiais cirúrgicos, realiza desde então a esterilização de cães e gatos pela cidade e já é um sucesso.

Além de diminuir o números de animais nas ruas, a programa de castração ajuda na redução da ocorrência de tumores de mama, testículo, piometra (infecção de útero) e tumores venéreos (TVT, transmitidos através da cópula entre os animais).

"É uma grande realização a concretização deste projeto, pois o controle de natalidade, o abandono e os maus-tratos aos animais irão reduzir bastante", afirma Hanriette Soares, presidente da organização não governamental de Guaratiba.

Galeria de Fotos

ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos "Regivaldo Fernandes"
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação
Os cerca de 100 animais estão em um sítio em Guaratiba, agora sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos, que está recebendo doações para realizar uma reforma no local Divulgação
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação
ZONA OESTE - ANIMAIS - Após morte da dona, cerca de 100 animais estão sob cuidados da ONG Paraíso dos Focinhos Divulgação

Comentários