Tribunal Especial Misto vai julgar o processo de impeachment de Wilson Witzel - Daniel Castelo Branco
Tribunal Especial Misto vai julgar o processo de impeachment de Wilson WitzelDaniel Castelo Branco
Por ESTADÃO CONTEÚDO
Publicado 17/09/2020 17:02 | Atualizado 17/09/2020 17:03
Rio - O governador afastado do Rio, Wilson Witzel (PSC), se pronunciou nas redes sociais sobre a aprovação do relatório pró-impeachment pela Comissão da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), nesta quinta-feira. "Recebo com respeito e tranquilidade a decisão da comissão da Alerj", disse em sua conta no Twitter.
Witzel reforçou o discurso de inocência, dizendo que tem sido acusado sem provas e sem direito à ampla defesa, incluindo no Superior Tribunal de Justiça (STJ). "Além da defesa por escrito, antes da votação em plenário farei a minha defesa presencial, demonstrando que não cometi crime de responsabilidade."
Publicidade
Ele afirmou ainda que tem sido alvo de um "linchamento político que deixará marcas profundas no Rio de Janeiro". 
Publicidade
Ele encerrou sua fala publicando: "a minha luta é pela democracia, é para que um governador eleito pelo povo possa prosseguir e concluir o seu mandato".