Maria Melquiades, de Mesquita: conta, ao contrário da água, chega - Luciano Belford
Maria Melquiades, de Mesquita: conta, ao contrário da água, chegaLuciano Belford
Por O Dia
Rio - Os consumidores que moram em áreas afetadas pelo desabastecimento de água causada pela falha em uma das bombas na Elevatória do Lameirão da Cedae e que possuem hidrômetros, terão redução automática na cobrança das próximas contas. De acordo com a companhia, os moradores que não possuem o equipamento deverão enviar um e-mail para a Cedae para que o desconto seja aplicado.
Confira o procedimento para quem ainda não possui o hidrômetro:
Publicidade
- Enviar e-mail para [email protected]

Com os seguintes dados:

- CPF;

- Número de sua matrícula;

- Motivo de solicitação.
Procurada pela reportagem de O Dia, a Cedae ainda não explicou como será calculado o desconto nas contas e nem o número de pessoas que foram prejudicadas.
Publicidade
A ação pede que sejam ressarcidas todas as despesas dos consumidores da Região Metropolitana, atingidos pelo desabastecimento, para compra de carro pipa ou outro meio de água potável até o restabelecimento do serviço da Cedae. O documento pede que a indenização seja feita em contas futuras, devendo a Companhia disponibilizar um canal para receber os documentos e comprovantes de despesas mediante protocolo e crédito na fatura seguinte.
Publicidade
Além disso, a medida também exige redução na conta de consumo de todos da Região Metropolitana em 25% da fatura de cobrança referente ao período de 15 de novembro até o restabelecimento do serviço. A ação ainda pede que a Cedae exclua da conta de consumo os dias em que a localidade de domicílio ficou sem água, tanto dos consumidores com ou sem hidrômetro. A multa diária prevista em caso de descumprimento é de R$ 1 milhão.