Polícia faz operação contra quadrilha que transportava combustíveis furtados da Petrobras - Reprodução / TV Globo
Polícia faz operação contra quadrilha que transportava combustíveis furtados da PetrobrasReprodução / TV Globo
Por O Dia
Rio - A Polícia Civil realiza uma operação, na manhã desta terça-feira, contra uma quadrilha especializada em transportar combustíveis furtados de dutos da Petrobras. Agentes da Delegacia de Defesa dos Serviços Delegados (DSD) cumprem 16 mandados de busca e apreensão no Rio, em São Paulo e no Espírito Santo. A polícia não cumpre mandados de prisão. 
Doze pessoas são investigadas, inclusive um policial militar. A especializada informou que faz buscas no endereço do sargento da PM, que está preso após uma perfuração de duto de petróleo no município de Paty dos Alferes. Ele era responsável por escoltar e passar informações aos motoristas.
Publicidade
Segundo as investigações, o líder da quadrilha arregimentava os motoristas, realizava os pagamentos e negociava o petróleo subtraído dos dutos da Petrobrás. A Polícia Civil realiza buscas em endereços dele no Rio de Janeiro e no Espírito Santo.
A operação se chama Kray em alusão aos irmãos gêmeos ingleses que integraram o crime organizado em Londres na década de 50. Dos 12 investigados há dois núcleos familiares de irmãos: três irmãos, cujas buscas ocorrem no município de Iracemápolis (SP) e outros dois irmãos com buscas na cidade de Ourinhos (SP). Aos grupos de irmãos cabia o transporte do petróleo subtraído no Rio de Janeiro.
Publicidade
Em entrevista ao Bom Dia Rio, da TV Globo, o delegado titular da especializada, André Leiras, ficou que a investigação tem como objetivo apreender materiais que ajudem na investigação contra a quadrilha. 
"A DSD está realizando, nesse momento, uma operação simultânea para o cumprimento de 16 mandados de busca e apreensão em três estados da federação: Rio de Janeiro, São Paulo e Espirito Santo. Essa operação é muito importante para nós, que visa arrecadar elementos de prova para trazer para a investigação e torna-la ainda mais eficiente. Trazer a certeza que esses criminosos, que se dedicam a subtração de combustível da Petrobras nos seus dutos, sejam condenados". 
Publicidade
"A DSD vem alcançando êxito nessas ações, com prisões consequente, com diversas prisões e reduzimos o índice, colocando o RJ em um patamar histórico, com a menor incidência desse crime", informou Leiras.
Todo o material apreendido será encaminhado para a Cidade da Polícia e analisado pela delegacia. 
Publicidade