Trem SuperviaHenrique Freire - Supervia - Imagem baixada da Wikipédia - Creative Commons

Rio - A manhã sexta-feira (7) é de chuva e de agonia para os usuários dos trens da Supervia. Mais uma vez, o ramal de Saracuruna apresenta atrasos por conta de uma ocorrência no sistema de sinalização nas proximidades da estação de São Cristóvão.
Por conta disso, o trecho entre Central e Gramacho tem intervalos ampliados, uma vez que o controle das composições é feito via rádio, não de forma automática, o que torna a operação mais lenta. Os maquinistas aguardam ordem de circulação. Neste trecho, o intervalo entre as composições é de 15 minutos.
Os outros ramais operam sem atrasos.