Policiais miitares formadosFabio Costa/Agencia O Dia

Rio - Mais de cem policiais militares foram afastados das funções por covid-19 nas duas últimas semanas no estado Rio. Ao todo, foram 110 PMs em 14 dias, uma média de sete infectados por dia. A corporação também contabiliza 73 policiais militares com sintomas de síndrome gripal. A Polícia Militar tem cerca de 45 mil agentes.
Policiais militares e bombeiros estiveram na lista de grupos prioritários da vacinação contra a covid-19, em 2021. A vacinação começou em abril, em batalhões da PM e unidades militares.
O aumento de casos nos quadros da Polícia Militar é reflexo da explosão da variante Ômicron no Rio. Somente na cidade do Rio, os casos aumentaram mais de 500% nas duas últimas semanas. Na última antes das festas de fim de ano, a cidade do Rio registrou 12.205 casos de síndrome gripal (casos que podem ser covid-19 ou influenza). Na semana do Natal e do Ano Novo, esse número subiu para 31.054 casos, e na primeira semana de 2022, pulou para 73.500 casos.