Operação do BPRv em Silva Jardim

Motoqueiros que realmente causam transtorno não foram pegos

Por Ronald Pereira

Guarda
Guarda -
Silva Jardim- Nesta última sexta-feira dia 24/07, foi executada uma operação do Batalhão de Polícia Rodoviária (Policia Militar) em conjunto com a Secretaria de Ordem Pública do município. Na operação aconteceu os seguintes fatos: 23 veículos fiscalizados, 15 veículos apreendidos, 23 notificações, 04 CRLV recolhidas e uma CNH recolhida.
Apesar da população aprovar o procedimento, reclamaram que na verdade estas operações não atingem o real objetivo. Os verdadeiros motoqueiros barulhentos parecem saber fugir das operações.
"Não adianta ficar assim e prender moto só com documentação atrasada e sem carteira, as vezes este cara usa até pra trabalhar. Tá errado? Tá! Mas o malandrão que empina, faz zoeira eles não pegam, dois dias depois tá tudo aí de retrovisor virado e pisca alerta fazendo zoeira!"(sic), diz cidadão que não quis se identificar.
Também teve relatos de comerciantes, reclamando de ficar sem entregar seus lanches,"nesta época de um monte de problema, o maior problema é o entregador de lanche? Poderiam fazer tocaia e pegar os caras certos?"(sic), diz uma comerciante.
Nos últimos tempos, Silva Jardim vem sofrendo com estes motoqueiros, empinam motos em locais de passeio ou caminhadas com descargas abertas e barulhentas. Alguns simulam disparos. Existem relatos de pessoas, que quase foram atropeladas por estes que fazem manobras perigosas, e nenhuma autoridade vai até o local, ou quando vai os motoqueiros já evadiram. Umas das formas de resolver este problema, seria autorizar a Guarda Municipal aplicar multas e fazer apreensão dos veículos.
Procuramos o Secretário de Ordem Pública o senhor Carlos Roberto Soares Nunes (Bill), para falar sobre a operação, porém o mesmo não quis comentar o assunto.
Esta operação aconteceu em vários municípios da região, sempre com o apoio da Guarda local.

Comentários