Neymar comemora gol - Reprodução / Twitter
Neymar comemora golReprodução / Twitter
Por O Dia

França -  Neymar vai correspondendo as expectativas e é o principal nome do futebol francês na atualidade. Em entrevista ao canal oficial do clube parisiense, na última quarta-feira, o brasileiro falou como está sendo seu início na França e  recusou o posto de 'o cara do PSG'. 

"Não esperava ter um começo tão bom em números pelo PSG. Mas eu vim para isso, ajudar a equipe, meus companheiros, para tentar tirar o melhor de mim. Me superar a cada dia, cada jogo, isso que é o mais importante. Não é um objetivo que eu tenho, ser o cara do time, o cara que mais ajuda em gols, passes. Estou ali para jogar meu futebol. Meu futebol é esse, de buscar, criar jogadas, fazer gols, dar assistências. Para isso que eu vim. Criar jogadas para que meu time possa fazer gols. Nós atacantes ali, não só eu, mas o Ed Cavani, Mbappé, Di María, estamos aí para isso. Criar jogadas, situações de gols, para que a gente possa ganhar partidas", declarou o brasileiro.

Neymar também fez questão de dividir com seus companheiros de equipe os méritos da grande temporada e minimizou o protagonismo do poderoso trio de ataque do Paris Saint-Germain, destacando o trabalho em grupo do time. 

"Nosso time não se baseia só nos três atacantes, é na equipe completa. A bola tem que chegar para a gente, a gente tem que decidir. Mas se não tiver os meias, os zagueiros que tirem as bolas, a gente não ia conseguir. A força do ataque são os caras que carregam piano, zagueiros e defensores", completou.

Desde sua chegada no meio de 2017, Neymar realizou 25 jogos pelo PSG e anotou 26 gols. Ele também lidera o time em assistências. 

Você pode gostar
Comentários