Campos estende fase amarela mesmo com contágio em aceleração; confirmados 99 novos casos e cinco mortos nesta quinta

Prefeitura tenta evitar retrocesso a níveis mais rigorosos do isolamento, com proibições e multa, sancionada nesta quinta, para quem não usar máscaras na rua

Por O Dia

Campos tem 294 mortos e 4435 pessoas infectadas pelo coronavírus
Campos tem 294 mortos e 4435 pessoas infectadas pelo coronavírus -
Campos - A prefeitura de Campos anunciou nesta quinta, com publicação em edição suplementar do Diário Oficial, a prorrogação da fase amarela do plano de retomada da economia por mais uma semana, de 31 deste mês a 6 de setembro. Com a curva de contágio no município em aceleração, a administração campista tenta buscar formas de evitar o retrocesso a níveis mais rigorosos do isolamento.
Nesta quinta, Campos confirmou 99 novos registros de covid-19, com cinco mortos: três homens e duas mulheres, com idades entre 64 e 91 anos. No total são 4435 pessoas infectadas desde o início da pandemia, com 3047 recuperados e 294 mortos.
Na semana passada, a prefeitura manteve o estágio de atenção máxima a despeito do crescimento signifcativo de casos diários da doença. Mas implentou algumas restrições, como a proibição do takeaway, no qual o comprador retira o pedido na loja, depois das 23h, e também da venda e do consumo de bedida em vias públicas a partir do mesmo horário.
Outra medida na tentiva de só apelar ao endurecimento das restrições foi o envio à câmara de um projeto de lei para transformar em lei a multa àqueles que desrespeitarem as normas do decreto do isolamento em vigor, entre elas a obrigatoriedade do uso de máscaras em locais públicos. O projeto foi aprovado esta semana e sancionado hoje.
"Definimos alguns pontos importantes sobre o decreto de regulamentação da lei, que será publicado nesta sexta", explicou o subsecretário de Governo Fábio Bastos. "As fiscalizações que já começam nesse final de semana, em todo o município, serão feitas por agentes da Secretaria Municipal de Segurança Pública, Guarda Civil Municipal, Vigilância Sanitária e agentes da Postura. Nosso objetivo principal não é multar, mas fazer com que as pessoas cumpram todas as determinações do município no combate à Covid-19".
Quem for pego violando alguma regra pode ser multado em R$ 180 e, em caso de reincidência, no dobro desse valor.
"Se alguém for abordado cometendo alguma irregularidade e se recusar a fornecer a documentação a Polícia Militar será acionada, para que essa pessoa seja conduzida à Delegacia para a devida qualificação", alertou Bastos.

Comentários