Empresas oferecem qualificação tecnológica para moradores de favelas

Iniciativas da Cufa e do Rio Coalizão Digital ajudam a inserir profissionais no mercado de trabalho

Por RENAN SCHUINDT

Objetivo dessas iniciativas é transformar a vida de pessoas com o auxílio da capacitação em tecnologia digital. Ideia é auxiliar a inserir alunos no mercado de trabalho
Objetivo dessas iniciativas é transformar a vida de pessoas com o auxílio da capacitação em tecnologia digital. Ideia é auxiliar a inserir alunos no mercado de trabalho -

Rio - Cursos de qualificação que ampliam o conhecimento tecnológico estão expandindo os horizontes para moradores do subúrbio. A Central Única das Favelas (Cufa) abriu inscrições para oficinas de criação de aplicativos para celular. O projeto Viaduto Tec, em parceria com a Fundação Banco do Brasil, também oferece curso para desenvolver startups. Não é a única iniciativa para esse público. A Coalizão Rio Digital, formada por 24 empresas, surgiu para capacitar 8 mil pessoas de 14 favelas até o fim do ano. Na sexta, o grupo irá ministrar uma oficina para educadores no Instituto Infnet, Centro do Rio.

Segundo a Cufa, 90% do público que participa dessas iniciativas é formado por moradores da periferia. Renata Terra, de 31 anos, está entre os estudantes. Sócia da Black Gold Rio, grife de acessórios que funciona nas redes sociais, ela pretende usar o aprendizado para ampliar seus negócios. E, com isso, criar oportunidades de trabalho. "A ideia é criar um aplicativo para conectar clientes com cabelos crespos e cacheados a profissionais do setor de beleza, oferecendo um serviço especializado", explica.

O Viaduto Tec ainda contará com palestras todas as quartas, até 17 de outubro. Os temas variam de Coaching Aliado às Novas Tecnologias a Desenvolvedor de Software. "A essência da Cufa é capacitar e gerar oportunidades para as pessoas que querem melhorar as suas realidades", diz Altair Martins, diretor da organização.

Curso incentiva o empreendedorismo digital - Divulgação / Fundação Banco do Brasil

CAPACITAÇÃO DE PROFESSORES

Na sexta, a Coalizão Rio Digital irá ministrar uma oficina voltada para educadores sociais e professores no Instituto Infnet, Centro do Rio. Quem participar do curso gratuito será convidado a concluir uma formação online para começar a oferecer os cursos de tecnologia do grupo para jovens de 14 a 29 anos em situação de vulnerabilidade social.

Em parceria com a organização social Recode, a oficina irá mostrar como o próprio celular pode auxiliar em sala de aula. "É o dispositivo mais utilizado pelos jovens para acesso à internet. Também pode trazer inovação para a forma de aprender e ensinar", explica Jackelline Reis, gerente de Inovação e Tecnologia da Recode.

INICIATIVAS

CURSOS DA CUFA

As inscrições para os cursos da Cufa poderão ser feitas pelo e-mail viadutotec@cufa.org.br ou pelo telefone 2489-7927. A sede da Cufa fica embaixo do Viaduto de Madureira.

TEMAS DE OFICINA

Os temas da oficina da Rio Coalizão Digital incluem inovação pedagógica, metodologias ativas, educação para impacto e transformação social e as competências do século 21. Informações pelo telefone 2558-5695.

Galeria de Fotos

Objetivo dessas iniciativas é transformar a vida de pessoas com o auxílio da capacitação em tecnologia digital. Ideia é auxiliar a inserir alunos no mercado de trabalho Divulgação
Curso incentiva o empreendedorismo digital Divulgação / Fundação Banco do Brasil

Comentários

Últimas de Empregos e Negócios