Mais Lidas

Polícia investiga se morte de zagueiro da Fiorentina foi homicídio culposo

Jogador, com passagem pela seleção da Itália, foi encontrado em um quarto de hotel antes de partida contra a Udinese

Por O Dia

Astori foi encontrado morto em hotel
Astori foi encontrado morto em hotel -

Itália - A procuradoria de Udine, na Itália, abriu uma investigação por homicídio culposo (quando não há intenção de matar) nesta segunda-feira sobre a morte de Davide Astori, que era capitão do time da Fiorentina. Ele foi encontrado sem vida em um quarto de hotel antes da partida contra a Udinese.

"A Fiorentina está profundamente abalada por ser forçada a anunciar que seu capitão Davide Astori faleceu, vítima de uma doença súbita. Por essa terrível e delicada situação, e acima de tudo por respeito a sua família, nós apelamos para a sensibilidade de todos", publicou o clube italiano em suas redes sociais. 

Relembre o caso

Uma tragédia abalou o futebol italiano na manhã deste domingo. Capitão, zagueiro da Fiorentina e jogador com passagens pela seleção italiana, Davide Astori foi encontrado morto em um quarto de hotel em Udine, onde a equipe estava concentrada para enfrentar a Udinese, pelo Campeonato Italiano. O atleta tinha apenas 31 anos.

Embora a Fiorentina não tenha fornecido mais detalhes, a mídia italiana informou que o atleta morreu enquanto dormia. Os demais jogadores do clube teriam descido para o café da manhã e, ao não verem a presença de Astori, subiram para chamá-lo em seu quarto. Descobriram, então, que ele havia falecido.

Com Estadão Conteúdo

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários