'Quero terminar esse ano dando alegria para essa torcida', diz Lucas Paquetá

Vendido ao Milan por 35 milhões de euros, meia afirma que deseja encerrar seu ciclo no Rubro-Negro com o título do Brasileiro

Por O Dia

Flamengo venceu o Paraná e ainda sonha com o título
Flamengo venceu o Paraná e ainda sonha com o título -

Rio - Destaque na vitória sobre o Paraná, fora de casa, por 4 a 0, Lucas Paquetá vive grande momento com a camisa do Flamengo. Nas graças da torcida, o meia vive a expectativa de vestir outro uniforme rubro-negro a partir de janeiro. Vendido ao Milan por 35 milhões de euros (R$ 148 milhões), o jogador afirmou que deseja encerrar seu ciclo no clube com o título do Campeonato Brasileiro.

"É um momento muito feliz. A gente vem retomando o caminho das vitórias. Ontem eu pude ajudar com um gol. Agora é seguir trabalhando, concentrado jogo após jogo, para conquistarmos o que temos em pensamento, que é o título do Brasileirão. Eu sigo feliz, quero terminar esse ano dando alegria para essa torcida. Eles merecem", disse em entrevista para o site "Coluna do Flamengo".

Paquetá também comentou o duelo contra o Palmeiras, no sábado, no Maracanã. Em caso de vitória, o Rubro-Negro vai ficar a apenas um ponto do líder e acirrar a disputa pelo título.

"É um confronto direto (...) A gente sabe da importância da partida. Vamos trabalhar durante a semana para, se Deus quiser, a gente conquistar os três pontos", disse.

Assunto quente nos bastidores do Flamengo nesta semana, o caso envolvendo o goleiro Diego Alves, que se recusou a viajar com o grupo para Curitiba após ser barrado por Dorival junior, também foi comentado pelo atleta. Contudo, Paquetá minimizou o assunto.

"Isso é um assunto interno. Vai ser decido com a diretoria. Tudo vai se resolver. Eu não sei o que aconteceu, a gente vai conversar hoje", disse o meia.