Mais Lidas

Motorista de carro da Tuiuti deve ser indiciado por acidente na Sapucaí

Engenheiro responsável pelo carro alegórico terá que apresentar à delegada relatório de execução do projeto e todas as vistorias

Por luana.benedito

Rio - O motorista do carro alegórico da Paraíso da Tuiuti  que bateu na Sapucaí e feriu 20 pessoas, deve ser indiciado pelo crime de lesão corporal culposa, de acordo com a delegada da 6ª DP (Cidade Nova), Maria Aparecia Mallet. 

No entanto, a delegada não descarta a hipótese de indiciar somente Francisco de Assis Lopes, de 53 anos. "Estamos investigando todos os componentes. Provavelmente não será apenas o motorista", revelou Maria Aparecia. 

Motorista do carro alegóricoJonathan Ferreira/Agência O Dia

Ela disse ainda que não pode tomar a decisão antes do laudo, que é uma das provas que compõem o processo. O documento sairá até o dia 13 de março.

A Polícia Civil pediu ao engenheiro Edson Marcos Gaspar de Andrade, responsável pelo carro do Paraíso do Tuiuti, todos os relatórios de execução do projeto e vistoria em um prazo de até 24 horas. 

Na manhã desta sexta-feira, o presidente da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa), Jorge Castanheira, também esteve na unidade. Ele chegou às 11h40 e ficou cerca de duas horas depondo. Na ocasião, Castanheira rechaçou a tese da escola de que a pintura na pista teria a ver com o acidente.

"A tinta que usamos é a mesma de todos anos, houve um problema técnico ou imperícia", afirmou o presidente que prometeu entregar à delegada as notas fiscais das tintas. Sobre nenhuma escola ser penalizada, Castanheira foi categórico. "Como o nome diz, foi um acidente e não há penalizações sobre acidente", ressaltou ele.

O presidente da Liesa ainda ressaltou que em todo em seu tempo de Carnaval, nunca tinha visto nada parecido com o acidente da Paraíso do Tuiuti. "Para quem tem mais de 30 anos de Avenida foi o acidente mais grave, foi algo inédito para nós. A Liesa vai buscar medidas seguranças, além de ouvir mais o Crea e especialistas", afirmou ele. Uma das medidas que já será adotada, segundo Castanheira, é trazer o motorista fantasiado na alegoria para que ele tenha um campo de visão maior.

Reportagem da estagiária Alessandra Monnerat

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia