Polícia desarticula quadrilha de crimes ambientais que atuava na Zona Oeste

Quatro homens foram detidos durante a ação

Por O Dia

Polícia desarticula quadrilha de crimes ambientais que atuava na Zona Oeste
Polícia desarticula quadrilha de crimes ambientais que atuava na Zona Oeste -

Rio - Quatro homens foram presos e duas máquinas foram apreendidas, sendo uma retroescavadeira e uma draga, por equipes do Comando de Polícia Ambiental (CPAM) durante uma operação nas comunidades da Muzema, Morro do Banco e Estrada do Pica-Pau, todas no bairro do Itanhangá, na Zona Oeste. A ação, que aconteceu na manhã desta quinta-feira, tinha o objetivo de desarticular uma quadrilha que praticava crimes contra o meio ambiente, ocupando e edificando irregularmente diversos pontos das comunidades.

De acordo com a polícia, as obras clandestinas eram realizadas sem qualquer licença ou autorização dos órgãos competentes. Foram constatados nas ações os crimes contra o meio ambiente, de grilagem de terras, parcelamento ilegal do solo e construções clandestinas. A ocorrência foi conduzida para a 16ª DP (Barra da Tijuca).

Esta foi a terceira operação do CPAM em menos de trinta dias para desarticular quadrilhas que atuam contra o meio ambiente. Anteriormente, as equipes já haviam realizado ação também no Itanhangá, no dia 29 de maio, e no município de Seropédica, no dia 13 de junho. No total, prenderam 47 envolvidos e apreenderam cinco caminhões, três balsas e diversas máquinas e equipamentos da linha de extração de recursos minerais utilizados pelas quadrilhas criminosas.

Galeria de Fotos

Polícia desarticula quadrilha de crimes ambientais que atuava na Zona Oeste Divulgação
Polícia desarticula quadrilha de crimes ambientais que atuava na Zona Oeste Divulgação PM

Últimas de Rio de Janeiro