Polícia Federal faz operação contra tráfico de drogas e roubo de carros em Itaboraí

Os policiais pretendem cumprir 27 mandados de prisão e 17 de busca e apreensão no Complexo da Reta. Até às 9h50, 10 pessoas tinham sido presas e armas foram apreendidas

Por O Dia

Operação foi batizada de Caminho Curto
Operação foi batizada de Caminho Curto -

Rio - Oitenta agentes da Polícia Federal de Niterói, com apoio de cães farejadores, fazem, na manhã desta sexta-feira, uma operação em Itaboraí, na Região Metropolitana do estado. Batizada de Operação Caminho Curto, a ação é contra o tráfico de drogas e o roubo de carros na região. Os policiais pretendem cumprir 27 mandados de prisão temporária e 17 de busca e apreensão no Complexo da Reta. Ainda não há informações de prisões ou apreensões por causa da operação. Até às 9h50, 10 pessoas tinham sido presas e armas foram apreendidas. 

De acordo com a PF, a facção criminosa que domina a região é liderada por Lindomar de Oliveira Brant, conhecido como Dodô. Ele, que recentemente foi transferido de um presídio federal de volta ao Rio, é um dos alvos da operação.

Oitenta policiais federais estão em Itaboraí - Reprodução / TV Globo

Além da forte presença do tráfico de drogas, o Complexo da Reta é uma das regiões responsáveis por aumentar o índice de roubo de cargas no Rio. Isso por causa da proximidade com importantes rodovias de escoamento de cargas do estado.

A operação conta com apoio de policiais militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), do Batalhão de Choque (BPChoque) e do Grupamento Aeromarítimo (GAM). Até o momento, homens do BAC apreenderam uma quantidade de drogas ainda não contabilizadas. O Batalhão de Choque recuperou uma carga de móveis roubada, além de drogas. 

Batalhão de Choque apreende drogas ainda a serem contabilizadas - Divulgação PMERJ

Galeria de Fotos

Operação foi batizada de Caminho Curto Reprodução / TV Globo
Oitenta policiais federais estão em Itaboraí Reprodução / TV Globo
Batalhão de Choque apreende drogas ainda a serem contabilizadas Divulgação PMERJ
Batalhão de Choque recupera uma caga de móveis roubada Divulgação PMERJ

Últimas de Rio de Janeiro