Irmã de Marielle é agredida verbalmente por apoiadores de Bolsonaro

Marielle Franco e seu motorista foram assassinados no dia 14 de março no bairro do Estácio, na região Central do Rio. Crime completou seis meses em setembro deste ano ainda sem solução

Por O Dia

Irmã de Marielle é agredida verbalmente por apoiadores de Bolsonaro
Irmã de Marielle é agredida verbalmente por apoiadores de Bolsonaro -

Rio - A irmã da vereadora Marielle, Anielle Franco, relatou em seu perfil no Facebook, na última segunda-feira, que foi agredida verbalmente por homens usando camisetas do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL). De acordo com Anielle, ela andava pela rua com a filha de dois anos no colo quando os homens a xingaram. Ainda segundo a ativista, ela não estava usando nenhuma camiseta ou adesivo político no momento da agressão.  

"Hoje, com minha filha de dois anos no colo recebi gritos na minha cara. Gritos de que eu era "da esquerda de m****", "Sai daí feminista" e "Bolso%$€%#$... P***" de homens devidamente uniformizados com a camisa do tal candidato. Hoje eu tive medo! Medo mesmo. Não deveria, mas tive. Foi assustador. Ainda mais com minha filha no colo", escreveu Anielle. 

"Bom, não estou escrevendo para que ninguém tenha pena. Mas para que repensem a sua maneira de fazer política. Por conta de um antipetismo vocês preferem propagar o ódio e a violência?! O seu candidato, em suma, defende esse tipo de postura, e outras coisa bem piores! Pensem bem! Por fim... Seguimos na luta! Por aqui vai ter luta sim! Hoje e sempre. Na verdade sempre teve. Nossa luta vem de muito antes disso tudo. Essa luta não acaba dia 27. Nem hoje, nem ano que vem, nem muito menos em 2020. Ela vai muito além. Ela se intensifica. Ela vira pública. Ela ganha força, apoio e forma! E só pararem de nos matar!!!!!", concluiu.

Marielle Franco e seu motorista foram assassinados no dia 14 de março no bairro do Estácio, na região Central do Rio. A Polícia Civil investiga o caso e informou que as investigações estão sob sigilo. O crime completou seis meses em setembro deste ano ainda sem solução.  

 

Galeria de Fotos

Irmã de Marielle é agredida verbalmente por apoiadores de Bolsonaro Estefan Radovicz / Agência O Dia
Anielle Silva com a irmã, a vereadora Marielle Franco (Psol), assassinada a tiros Reprodução internet
A vereadora Marielle Franco, que estava no primeiro mandato, foi morta no dia 14 de março Guilherme Cunha/Alerj

Últimas de Rio de Janeiro