Secretaria de Polícia Militar divulga nomes dos futuros subsecretários e corregedor

Coronel Márcio Pereira Basílio será o subsecretário-geral

Por O Dia

Rio - O futuro secretário de Estado da Polícia Militar, coronel Rogério Figueredo, divulgou os nomes dos futuros subsecretários da pasta, que começarão a trabalhar a partir de janeiro de 2019. O coronel Márcio Pereira Basílio será o subsecretário-geral de Polícia Militar. Para a chefia de gabinete da Secretaria da PM, o escolhido foi o coronel Luiz Sérgio Cosendey Perlingeiro.

O coronel Marcelo Francisco Nogueira Martins será o subsecretário operacional, e o coronel Nelson Pitta de Castro Netto assumirá a subsecretário administrativo. O subsecretário de inteligência será o coronel Damião Luiz Portella. A corregedoria-geral da PM será o coronel Joseli Candido da Silva. 

Dança das cadeiras na Polícia Civil 

O Estado do Rio vai ganhar outras duas delegacias de Homicídios e mais uma de Descoberta de Paradeiros até 2020. As duas primeiras ficarão em Macaé, no Norte Fluminense, e Volta Redonda, no Sul do estado. Já a de Descoberta de Paradeiros vai para a Baixada Fluminense.

Também haverá mudanças em toda a estrutura das DHs. Além disso, a Divisão Geral de Homicídios, responsável pelas três especializadas do estado (Rio, Niterói e Baixada), passará a se chamar Departamento Geral de Homicídios e Proteção à Pessoa (DGHPP). Nos bastidores contam que o novo nome da delegacia foi sugerido porque a atual gestão ainda não conseguiu descobrir quem são os autores da morte da vereadora Marielle Franco (Psol) e de Anderson Pedro Gomes, motorista dela, assassinados em 14 de março deste ano.

A única equipe a ser mantida na DH será a da delegada Bárbara Lomba, titular da Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI).

Outra mudança é a saída da Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA) da tutela do Departamento Geral de Polícia Especializada (DGPE). A partir do próximo ano, a especializada será subordinada ao DGHPP. A delegada Elen Souto, porém, permanece na titularidade da DDPA.

A reunião para definir as mudanças, principalmente de titulares das especializadas, foi realizada na quarta-feira e durou mais de uma hora.

Últimas de Rio de Janeiro