Procon-RJ pede para Light esclarecer explosões de bueiros em Copacabana

Concessionária tem prazo de 10 dias para esclarecer dúvidas

Por O Dia

Incidente aconteceu na última terça-feira
Incidente aconteceu na última terça-feira -
Rio - O Procon Estadual instaurou, nesta quinta-feira, um Ato de Investigação contra a Light por causa da explosão de três bueiros em Copacabana, na Zona Sul do Rio, na última terça. A concessionária disse que o incidente foi causado por um defeito em um cabo de energia elétrica subterrâneo.
O Ato de Investigação determina que a Light deve, num prazo de dez dias, informar o que causou as explosões, se houve vítimas, se o serviço de fornecimento de energia foi interrompido e por qual período e quais são as medidas adotadas para isolamento da área afetada e para a restauração de danos nas vias públicas.
Caso a concessionária não responda a notificação ou suas respostas não sejam consideradas satisfatórias pelo Departamento Jurídico da Autarquia, o Procon Estadual vai instaurar um Ato Sancionatório e uma multa deverá ser aplicada a empresa.

Comentários