Site do PSOL-RJ é hackeado com foto de Jair Bolsonaro

Grupo já hackeou sites de outros partidos, na maioria das vezes inserindo imagens do presidente da República

Por O Dia

Site do PSOL-RJ foi hackeado
Site do PSOL-RJ foi hackeado -
Rio - O site do diretório do PSOL do Rio de Janeiro foi hackeado na tarde desta terça-feira. O grupo responsável pela ação inseriu no site o endereço para uma página de Twitter intitulada "#Pryzraky". Embaixo, há a foto oficial do atual presidente da República, Jair Bolsonaro, e a mensagem: "Tem que se f* e acabo! Talkei?" (sic).
O grupo é responsável por hackear também outros sites. Na semana passada, o site do MDB do Rio Grande do Sul amanheceu com a imagem de Lula atrás das grades. Na semana anterior, o mesmo site havia amanhecido com uma imagem de Bolsonaro.
Também na última semana, o mesmo grupo foi responsável por hackear o site do PSB, inserindo uma imagem de Bolsonaro fazendo o sinal de armas com as mãos, e outro site do MDB. Antes disso, eles haviam hackeado o site da fabricante de automóveis Nissan, da produtora Warner Bros. e alertado: "Olá brasileiros :) Em breve um novo ataque a um partido político do Brasil!".
No dia 1 de abril, o grupo havia sido responsável por vazar dados de membros do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), como informações pessoais e credenciais de acesso. 
Até o início da noite desta quarta-feira, o site do PSOL-RJ estava fora do ar. Em nota, o partido afirmou que irá tomar as medidas legais cabíveis e que está trabalhando para que a página retorne ao ar. 
Confira a nota completa:
"Na tarde de ontem tomamos ciência que o site do Partido Socialismo e Liberdade no Rio de Janeiro foi alvo de um ataque de Hackers. As medidas cabíveis para que a página retome a normalidade já estão sendo tomadas.
O incidente demonstra que ainda convivemos em nosso país com grupos organizados que têm pouco ou nenhum apreço por valores democráticos. Por isso, tomaremos as medidas legais cabíveis.

Executiva Estadual do Partido Socialismo e Liberdade - PSOL-RJ"

Comentários