Vídeo: novas imagens mostram médica do Grajaú sendo rendida pelos agressores

Ticyana Azambuja para um motociclista no meio da rua, tenta subir no veículo para fugir, mas dois homens a impedem

Por O Dia

Médica tenta se segurar em moto, mas é arrastada por dois homens
Médica tenta se segurar em moto, mas é arrastada por dois homens -
Rio - Um vídeo gravado por uma câmera de segurança da Rua Marechal Jofre, no Grajaú, mostra o momento em que a médica anestesista Ticyana Azambuja, de 35 anos, foi rendida por frequentadores de uma festa no bairro da Zona Norte do Rio no último dia 30 de maio. A profissional de saúde disse que na ocasião foi agredida por pelo menos cinco pessoas, dentre elas o PM do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) Luiz Eduardo dos Santos Salgueiro, 43.
Nas imagens, divulgadas nesta quinta-feira pelo Portal Grande Tijuca, a médica corre pela rua para fugir dos agressores. Ela para um motociclista no meio da via, tenta subir no veículo, mas dois homens a impedem.
Ticyana segura a moto, em busca de proteção, mas é agarrada pelos dois homens, arrastada e um deles lhe aplica o golpe "mata-leão". Várias pessoas observam a cena, mas não interferem.
"Ninguém tem ideia do que foi rever essas imagens e reviver tudo. A sensação de falta de ar, do grito preso na garganta, de ter que decidir se é melhor gritar ou respirar, do breu quando se desmaia, de acordar com um pé te pisoteando, de ser observada silenciosamente enquanto estão te matando", ela relata, em seu perfil no Facebook,
 
 
 
View this post on Instagram
 
 
 

A post shared by Portal Grande Tijuca (@portalgrandetijuca) on

Em entrevista ao DIA, a médica contou que o barulho da festa que estava acontecendo em sua vizinhança não a deixava dormir. Após ser ignorada pelos frequentadores para diminuir o volume do som, ela quebrou o retrovisor e o para-brisas traseiro do carro do PM para chamar a atenção deles.
Os frequentadores, no entanto, partiram para cima da anestesista, que correu por cerca de 150 metros para não ser pega. Ela disse que foi agredida violentamente, ficando com várias manchas pelo corpo, além de ter braços e perna imobilizados.

Galeria de Fotos

Moradores do Grajaú fizeram ato em apoio à medica no último dia 3 Estefan Radovicz / Agência O Dia
Médica é carregada por um homem e agredia por outro e uma mulher Reprodução / Internet
Agressões aconteceram na tarde do dia 30 Reprodução / Portal Grande Tijuca
Vítima foi levada por um homem em suas costas Reprodução / Internet
Movimentação em frente à casa de festas após as agressões contra a médica WhatsApp O DIA (21-98762-8248)
Médica tenta se segurar em moto, mas é arrastada por dois homens Reprodução / Portal Grande Tijuca
Médica ficou com marcas das agressões espalhadas pelo corpo Aquivo Pessoal
Anestesista ficou com marcas por todo o corpo Aquivo Pessoal
Após a repercussão das agressões, a Polícia Militar afastou o agente do Choque das ruas. Desde o início desta semana, ele está cumprindo funções administrativas na corporação.
O caso é investigado pela 20ª DP (Vila Isabel).

Comentários