Matheus Filipe, de 24 anos, estava desaparecido desde quinta-feira (11) - Reprodução/Facebook
Matheus Filipe, de 24 anos, estava desaparecido desde quinta-feira (11)Reprodução/Facebook
Por O Dia
Rio - A Delegacia de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNISG) informou, nesta quarta-feira (17), que os familiares do fuzileiro naval Matheus Filipe Coelho dos Santos, de 24 anos, farão exame de DNA para identificar o corpo encontrado no último domingo (14), em São Gonçalo. O teste será necessário, porque o resultado do exame da arcada dentária foi inconclusivo. Matheus está desaparecido desde quinta-feira, dia 11 de fevereiro.
O delegado disse que os parentes de Matheus Filipe serão convocados, ainda nesta semana, para fazer a coleta de matéria genético, para que a delegacia realize o exame de DNA, a fim de identificar o corpo. Os resultados deste exame podem demorar até 30 dias para serem entregues, mas o delegado afirma que esta será a prioridade da DHNSGI.
Publicidade
Policiais do Serviço de Inteligência do 7º Batalhão (São Gonçalo) encontraram o corpo no banco traseiro de um carro, em um terreno baldio, na Rua Líbano Ferreira, no bairro Monjolos, após receberem uma denúncia anônima. Segundo o delegado responsável pelo caso, Mário Lamblet, o exame odontológico que já foi realizado é inconclusivo, logo, não foi possível identificar o corpo.
Familiares e amigos fazem mobilização e buscas pelas redes sociais
Publicidade
Há 6 dias, o desaparecimento do fuzileiro naval Matheus Filipe mobiliza familiares e amigos. Consternada, a irmã do militar, Andressa Coelho, disse ao DIA que a família, até o momento, não tem nenhuma informação sobre onde ele possa estar ou ter ido na noite de quinta-feira. Ela contou, bastante abalada, que todos os familiares e amigos estão muito mal com o desaparecimento de Matheus.
Nas redes sociais, amigos e conhecidos compartilharam publicações sobre o fuzileiro naval, pedindo que quaisquer informações sejam enviadas por telefone. Algumas pessoas, em solidariedade, também enviaram orações e descreveram Matheus como um jovem trabalhador e pai de família.
Publicidade
"Estou em oração para que você apareça logo e bem", postou uma amiga de Matheus no perfil do Facebook. "Espero que esteja tudo bem e você volte logo. Qualquer informação entrem em contato", pediu outra amiga do rapaz.
"Que Deus o traga para sua família sã e salvo que o anjo da guarda o proteja, estou em oração pela família. Deus o proteja de todo o mal", comentou um amigo do jovem em uma publicação.