No dia 23 de fevereiro, motoristas de aplicativo fizeram uma manifestação no Rio
No dia 23 de fevereiro, motoristas de aplicativo fizeram uma manifestação no RioReginaldo Pimenta / Agencia O Dia
Por O Dia
Rio - Os motoristas de aplicativos, motociclistas e caminhoneiros programaram uma manifestação no Centro do Rio para esta terça-feira, contra aumento do preço dos combustíveis e o valor do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que é o maior do país.
De acordo com a Central Brasileira dos Trabalhadores, os manifestantes irão se concentrar às 11h em frente ao centro Cultural Sulamerica. Eles sairão da Praça da Bandeira às 11:10h em carreata passando pela Cinelândia, com parada em frente a Alerj e finalizando no prédio da Petrobras.
Publicidade
No dia 23 de fevereiro, motoristas de aplicativo realizaram uma manifestação no Rio, contra os baixos salários da categoria. Os profissionais se reuniram no Aeroporto Galeão, na Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio e seguem para o Aeroporto Santos Dumont, na Zona Sul.
De acordo com o presidente do Sindicato dos Aplicativos (SindMobi), Luiz Correa, a principal reivindicação dos motoristas é o reajuste no preço recebido pelas corridas. "A gente não tem reajuste desde 2016, pelo contrário, o valor pago por quilômetro pelas empresas só tem diminuído. Eles pagavam R$ 1,9 e R$ 1,20 por quilômetro rodado, agora a realidade é que cada dia que passa esse valor tem caído. Ainda criaram uma modalidade que dá 17% de desconto e o motorista ganha R$0,80 centavos por quilômetro".