Maximiliano foi morto com dois golpes de faca, de acordo com a períciaDivulgação

Rio - O Portal dos Procurados divulgou no fim da tarde desta segunda-feira (03) um cartaz para ajudar a identificar e prender os envolvidos na morte do policial penal da Secretaria de Estado de Administração Penitenciaria (Seap) Maximiliano de Souza Soares. O agente foi assassinado a facadas na madrugada de ontem em Volta Redonda, no Sul Fluminense. As investigações estão a cargo da 93ª DP (Volta Redonda).
O corpo foi encontrado embaixo do Viaduto Nossa Senhora das Graças, no bairro Aterrado. De acordo com o Disque Denúncia, os policiais encontraram um pedaço de faca fincada no corpo da vítima. A perícia encontrou duas marcas produzidas pelas facadas, uma embaixo do braço e uma no pescoço. Um celular e R$ 2 em dinheiro foram encontrados também pelos agentes no local onde o homem estava.

Policiais da distrital estiveram no local, fizeram pericia e buscam câmeras de segurança na região, que possam levar a autoria do crime. Maximiliano foi primeiro agente de segurança assassinado no ano de 2022. No ano de 2021, em um levantamento realizado pelo Portal dos Procurado apontou que 78 policiais foram assassinados em ações violentas de criminosos no Estado do Rio de Janeiro.

O Disque Denúncia recebe informações sobre a identificação e localização dos envolvidos neste crime, nos seguintes canais de atendimento: WhatsApp do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099, (21) 2253 1177 ou 0300-253-1177, aplicativo "Disque Denúncia RJ", Facebook/(inbox), Twitter e Site. Em todas as plataformas digitais, o anonimato é garantido.